Passo a passo para escolher a melhor ideia de negócio (parte 2)

Você já está com a lista de ideias de negócios pronta, agora é a hora de tomar decisões. E, no passo a passo seguinte iremos mostrar o procedimento para resolver o problema – afinal escolher sempre é algo difícil, ainda mais quando se tem tantas ideias e nenhum rumo definido.

No texto anterior vimos várias considerações. E, aqui mostramos alguns critérios para você usar nessa decisão.

Critério 1 – Eu conheço, eu domino

Se eu conheço um assunto, mais do que os outros, o suficiente para dizer que eu domino ele o suficiente para escrever sobre isso muitas vezes, em vários aspectos e com vários pontos de vista, essa ideia tem grande potencial. Afinal, eu só vou ser reconhecido como autoridade se eu tiver conteúdo sobre ele. Experimente perguntar para um pizzaiolo sobre a qualidade do queijo que ele usa para fazer cada pizza. Se ele não souber muito sobre isso, ele não é uma autoridade suficiente para escrever sobre o assunto e, talvez, nem seja mesmo um pizzaiolo.

Critério 2 – Eu participo, eu compartilho

Você já participa de redes sociais de pessoas que usam esse serviço ou consomem esse produto que está na sua ideia de negócio? Se não está, seria muito bom estar. E, se você não está, não sabe qual é o assunto mais falado, quais são as reclamações mais comuns e ignora seu cliente potencial.

Critério 3 – É um problema ignorado, não satisfeito ou mal resolvido

Se você está procurando por uma oportunidade, não deixe de considerar que a insatisfação leva os clientes a pagarem mais por um serviço ou produto que resolva melhor o que não está bem resolvido. Isso incomoda, traz frustrações e tudo isso pode ser um bom motivo para ser uma boa oportunidade para você. Lei mais sobre isso nesse link.

Enfim, o melhor negócio será aquele que satisfaz todos esses critérios, pelo menos. É um bom começo, não é? Adiante listamos os 3 passos que você deve considerar por enquanto.

Esse roteiro serve para mostrar uma forma simples de fazer essa tarefa. Vamos começar?

Passo 1: classifique suas ideias

Nesse processo, iremos ler a sua lista e cada vez que a ideia que você está vendo se encaixar em um dos 4 critérios abaixo, você deve colocar uma marca. Se você está usando a plataforma Newis.Cool, o melhor é você imprimir a lista que cadastrou antes ou ir anotando em uma folha de papel dividida em 4 partes as ideias nos quatro grupos. Se estiver usando uma lista fora do sistema, pode ser desse jeito também.

A ideia com esse processo é separar as ideias em quatro grupos, que são esses critérios:

  • Critério 1: A ideia usa algo que aprendi no curso que fiz ou estou fazendo
  • Critério 2: A ideia é algo que tem a haver com algo que já fiz como empregado
  • Critério 3: A ideia é algo que alguém já me pagou para fazer
  • Critério 4: A ideia é algo que eu tenho muita vontade de fazer

Veja bem: não estamos selecionando a ideia pelo quanto você pode ficar rico com ela, isso é visto na próxima etapa, não agora. Nesse momento estamos só classificando as ideias, para uma primeira análise.

Passo 2: escolha 4 ideias

De cada critério escolha apenas 1 ideia. Você deve fazer isso pensando naquela ideia que você acha que será a que você teria acesso a maior quantidade de clientes. Não importa como você faria esse acesso, estamos buscando em cada um dos 4 grupos aquela ideia que você conseguiria conversar com mais pessoas quanto possível antes mesmo de começar a entregar o que você for fazer como negócio.

Passo 3: Registre suas 4 ideias

Se você não está usando o sistema Newis.Cool ainda, é bom conseguir um caderno que caiba no seu bolso, com umas 50 folhas e escreva na primeira página suas 4 ideias. Se já estiver usando o sistema, vá na tela dessa tarefa e registre lá as 4 ideias em campos separados.

Não fez a tarefa anterior? Faça agora:

Volte ao sistema Newis.Cool para continuar seu desenvolvimento de ideação – novos negócios e oportunidades.

2 comentários em “Passo a passo para escolher a melhor ideia de negócio (parte 2)”

  1. Pingback: (301) Passo a passo para focar em uma nova ideia de negócio (parte 4) |

  2. Pingback: Passo a passo para a primeira hipótese de problema do cliente (Parte 5) |